AS DOBBANAS DE DAHOMEY

É muito importante para os seguidores das lendas e também das histórias do Continente africano, conhecerem tudo que é referente à todos estes povos antigos e sofridos. A África com certeza, teve mais histórias, lendas, heróis e mártires do que qualquer outro continente. Por isso, sem dúvida alguma, ser o berço da civilização…

O vocabulário DOBBANA deriva se do dialeto mahi, da região de Kpein Vedge no antigo Dahomey, e seu significado é “Sacerdotisa Guerreira”. Este vocabulário é utilizado desde o tempo que a rainha Na Wanguele governou o país, e que comissionou as mulheres sacerdotisas como únicas integrantes dos exércitos. Tinham uma preparação de verdadeiras forças de elite capazes de derrotar a outros exércitos bem treinados, foram boas lutadoras com facas, lanças e também na “Wamdara” (arte marcial de luta a mãos limpas). Naqueles tempos, uma das DOBBANAS que mais se destacou com só 15 anos de idade foi Yansá Jékua, conhecida como Oyá. Pois na frente das Dobbanas liberou a Cidade de Dassa Soumé no Dahomey, lugar onde nascera ela…

As Dobbanas também tiveram uma grande participação muitos anos depois, nas lutas contra os colonialistas Portugueses e também os franceses. Os quais chamaram a elas “Amazonas de Dahomey” ou “guerreiras Nagô”.

Por isso, no sacerdócio de Yezam são muito respeitadas por todos, pois seu trabalho no culto é fundamental. Já que seu papel é organizar as liturgias, preparar os assentamentos, garantir a segurança. Então as DOBBANAS maiores que complementam esses objetivos por ordem são;

A Dobbana Fhurá esposa do Ala Wowwo, a DOBBANA Igborissa, a DOBBANA Boressa e a DOBBANA Maesse.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: